Casados são flagrados em casa de orgia clandestina; veja vídeo

Compartilhe Nossas Notícias

CM7

Manaus (AM) – Quarenta pessoas foram presas, na noite de domingo(14) enquanto participavam de uma festa clandestina em uma residência, no Conjunto Tiradentes, bairro Coroado, zona leste de Manaus. O evento irregular, regado a bebida alcoólica e música eletrônica, concentrava 28 mulheres e 12 homens.

A Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP) suspeita que o local também funcionava como casa prostituição.

A SSP precisou utilizar até um ônibus da Polícia Militar para levar os suspeitos para prestar depoimento na sede da Delegacia-Geral da Polícia Civil (PC) por descumprirem o decreto do Governo do Amazonas, que restringe a circulação de pessoas. De acordo com a determinação, a realização de eventos também está proibida para tentar conter o avanço da COVID-19 no estado.

O secretário da SSP, coronel Louismar Bonates, relatou que os policiais chegaram até a residência após uma denúncia anônima.

“Enquanto toda cidade está chorando seus mortos, os hospitais lotados de Covid, tem essa cambada aqui incomodando toda cidade”, disse.

O governo do Amazonas prorrogou as medidas de restrição e circulação de pessoas até o 21 de fevereiro. Com o isso, o toque de recolher estabelecido por meio do decreto segue das 19h até 6h em todo Amazonas.

O governo também já havia suspendido os pontos facultativos do Carnaval para tentar conter a disseminação do coronavírus. Qualquer denúncia de descumprimento do decreto pode ser repassada para o 181, disk denúncia da SSP.

Repórter MT


Compartilhe Nossas Notícias