Engenheira civil morre um mês após descobrir tumor no cérebro em Cuiabá

Compartilhe Nossas Notícias

Foto: Reprodução / Facebook

A engenheira civil Drieli Azeredo Ribas, 32 anos, faleceu na tarde desta quinta-feira (4), um mês após descobrir um tumor no cérebro. Desde o diagnóstico, ela vinha tratando e passando por cirurgias, no entanto, seu quadro se agravou e ela não resistiu na luta contra o câncer.

Driely é filha dos empresários do agronegócio da cidade de Sorriso, Milton Ribas e Maria Jossi Azeredo. Nascida em Palmeiras das Missões, Rio Grande do Sul, a engenheira também cursava Direito e morava em Cuiabá.

Em 2019, lançou o site Centro News, que traz informações sobre política e agronegócio. E juntamente com o pai, uma revista que aborda também o empreendedorismo.

O Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Mato Grosso (Crea-MT) emitiu uma nota lamentando a morte de Drieli. O presidente Juares Samaniego, diretoria e conselheiros enviaram aos familiares e amigos, condolências e pêsames.

OLHAR DIRETO


Compartilhe Nossas Notícias