Ex-deputado Dito Pinto segue na UTI em estado gravíssimo; família tenta transferência

Compartilhe Nossas Notícias

DA REDAÇÃO

Internado na Santa Casa ded Cuiabá desde o dia 26 de janeiro, por complicações da covid-19, o ex-deputado estadual Benedito da Silva Pinto, o Dito Pinto, está em coma, na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), com o quadro de saúde considerado gravíssimo. A família tenta transferir o deputado para o Hospital Júlio Müller, mas encontra dificuldade pois equipe médica alega risco de morte no translado de 10 minutos de um hospital para o outro. 

Conforme apurou a coluna, vários deputados têm se mobilizado para atender a vontade da família, mas até o final da tarde desta terça-feira (16), a transferência ainda não estava autorizada pela equipe médica. Dito Pinto precisou ser intubado após apresentar complicações nos pulmões e nos rins. Na UTI, ele tem sido submetido a sessões de hemodiálise. Além de deputado estadual, Dito Pinto também atuou na Ouvidora-geral da Assembleia Legislativa, secretário de Governo em Várzea Grande e vereador por três mandatos. O risco de morte é iminente, alertam os médicos, em caso de uma transferência. 

Repórter MT


Compartilhe Nossas Notícias