Garota de programa é presa em MT suspeita de matar cliente que exigiu ‘exclusividade’

Homem assassinado tinha 43 anos e mantinha relacionamento com a suspeita, segundo a polícia.
Compartilhe informação
O crime foi cometido por uma profissional do sexo e motivado por ciúmes — Foto: Polícia Civil

Por TV Centro América

Uma garota de programa de 44 anos foi presa suspeita de matar um homem, de 43 anos, em Tabaporã, a 643 km de Cuiabá, nessa segunda-feira (30), porque ele teria exigido uma relação de ‘exclusividade’.

Conforme o boletim de ocorrência, a polícia foi acionada por moradores da região que encontraram um corpo em uma estrada, sentido ao Rio Batelão. O homem tinha marcas de sangue na cabeça. Além disso, foi encontrada uma moto próxima ao corpo.

De acordo com a Polícia Civil, durante a investigação para descobrir o que tinha ocorrido, os policiais descobriram que uma mulher foi vista junto com a vítima horas do crime.

Levada à delegacia, a suspeita negou que estava com o homem. Depois, mudou o depoimento e disse que havia se encontrado com ele, mas negou o crime.

Com as informações coletadas, os policiais chegaram a outra suspeita, a garota de programa. Ela também foi levada à delegacia e negou que tivesse cometido o assassinato, mas os policiais encontraram uma arma com ela.

Após ser questionada novamente pelos investigadores, ela confessou o crime e foi autuada por homicídio.

Participe de nosso grupo no WhatsApp
Entre Clicando no botão
 

 

Parceiros

     

 

 

Compartilhe informação
Veja também