Juiz manda soltar mulher que matou marido após série de agressões

Compartilhe Nossas Notícias

RAUL BRADOCK

DA REDAÇÃO

O juiz Jacob Sauer, determinou a soltura da operadora de caixa, de 28 anos, presa por assassinar o marido agressor com uma facada no pescoço. O crime aconteceu na noite de sexta-feira (2), no bairro Jardim das Primaveras, em Sinop (a 500 km de Cuiabá). A decisão que concedeu a liberdade foi proferida no dia seguinte.

Conforme noticiado pelo , a mulher disse aos policiais que vinha sido ameaçada de morte e agredida pelo marido desde o período da manhã. A noite eles brigaram novamente. Ela afirma que a faca que usou para golpear o homem foi usada por ele inicialmente, com intenção de ameaçar ela de morte.

Em sua decisão, o magistrado disse que a mulher não representa risco para a sociedade se colocada em liberdade. “A despeito da inegável gravidade do fato, a conduzida é ré primária e não ostenta um único antecedente criminal sequer, o que permite concluir que medidas cautelares menos invasivas serão suficientes para preservar a ordem pública a sua vinculação a eventual processo criminal”, consta na decisão.

Conforme boletim de ocorrência, foi a própria vítima que acionou a Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros para fazer o resgate do marido, porém, ele morreu ainda no local do crime. A vítima conta ainda que tentou conter o sangramento enquanto o resgate não chegava, mas não conseguiu.
Leia mais
Cansada de apanhar, mulher mata esposo com facada no pescoço

Repórter MT


Compartilhe Nossas Notícias