Juiz suspende afastamento e autoriza retorno de Antônio Joaquim ao TCE

Compartilhe Nossas Notícias

DA REDAÇÃO

A Justiça Federal de Mato Grosso autorizou o retorno do conselheiro Antônio Joaquim ao Tribunal de Contas (TCE-MT), neste sábado (20). O juiz Jeferson Schneider, da Quinta Vara Federal, suspendeu a medida cautelar de afastamento após o Ministério Público Federal (MPF) no estado emitir parecer pelo retorno.

A medida cautelar que determinava afastamento de conselheiros foi inicialmente revogada pelo ministro e relator do caso Raúl Araújo, do Superior Tribunal de Justiça (STJ) na quinta-feira (18). 

Mas, Antônio Joaquim tinha mais um afastamento na 5ª Vara Federal de Mato Grosso por conta da venda de uma fazenda para o ex-governador Silval Barbosa e ao empresário Wanderley Fachetti Torres, dono da Trimec Construções.

Assim, a defesa do conselheiro solicitou que essa medida no estado também fosse revogada. 

Repórter MT


Compartilhe Nossas Notícias
Enable referrer and click cookie to search for pro webber