Juíza manda soltar vereador de MT suspeito de agredir esposa

Marcos Rogério foi preso neste domingo após esposa registrar boletim; fiança aplicada é de R$ 1 mil
Compartilhe informação
Marcos Rogério é vereador por São José do Xingu e foi preso suspeito de agredir esposa
Divulgação – Marcos Rogério é vereador por São José do Xingu e foi preso suspeito de agredir esposa

LIBERDADE PROVISÓRIA

O vereador de São José do Xingu (952 km de Cuiabá), Marcos Rogério Pereira Nunes (PSB), de 36 anos, teve liberdade provisória concedida pela Justiça após ser preso suspeito de agredir e ameaçar a esposa de 34 anos.

A liberdade foi concedida pela juíza Janaína Cristina de Almeida, da comarca de Porto Alegre do Norte, em audiência de custódia realizada ainda no domingo (27). 

LEIA MAIS:

Prefeito Alex Berto se reuniu com Vereadores e Educadores para buscar soluções na Educação do Município

ROSÁRIO OESTE: Prefeito Alex Berto anuncia Asfalto e Calçamento no Bairro da Torre no Município ainda este ano

STF manda TJ reintegrar juiz aposentado compulsoriamente

De acordo com o registro da ocorrência, o crime ocorreu em São José do Xingu. O casal estava em uma distribuidora e tiveram um desentendimento. 

Na volta para casa, os dois continuaram a discutir e a mulher mordeu o marido após ele ficar pegando no corpo dela. Eles pararam o carro para a mulher sair, quando Rogério deu um soco na cabeça dela e ameaçou matá-la.

Ainda conforme o boletim de ocorrência, esta não é a primeira vez que o marido agride a esposa. 

Segundo a Polícia, Marcos já foi preso por agressão, ameaça e embriagrez ao volante. 

Para a juíza, “não há indícios de que o autuado se furtará à aplicação da lei penal, haja vista que possui emprego lícito e endereço fixo”.

De acordo com a decisão, a soltura é feita mediante pagamento de fiança de um salário mínimo, equivalente a R$ 1.212. 

DAVI VITTORAZZI
MIDIA NEWS

Participe de nosso grupo no WhatsApp
Entre Clicando no botão
 

 

Parceiros

     

 

 

Compartilhe informação
Veja também