Mãe defende filha de espancamento e morre esfaqueada por genro em MT

Compartilhe Nossas Notícias

vítima abrigou em sua casa a filha que fugia da violência do marido, quando ele invadiu o local e matou a sogra a facadas
ReproduçãoAs testemunhas acionaram a Polícia Militar (PM) e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).

As testemunhas acionaram a Polícia Militar (PM) e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).

MAJU SOUZA
REPORTERMT

A idosa Iracema Magri, de 64 anos, foi assassinada a facadas, pelo genro, Odir Oliveira, na tarde de domingo (7), no bairro Vale do Sol, em Campo Verde (131 km de Cuiabá). A vítima defendeu sua filha do assassino e acabou sendo morta.

Consta na ocorrência que a filha de Iracema teve um desentendimento com Odir, e foi buscar refúgio na casa da mãe. Minutos depois, o assassino foi até o local atrás da companheira com uma faca.

Os vizinhos relataram que ele gritava o nome da namorada e pulou o portão para entrar na residência. Diante da situação, a sogra do assassino disse que chamaria a polícia e, acabou sendo esfaqueada. O agressor fugiu em seguida.

As testemunhas acionaram a Polícia Militar (PM) e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). O Samu constatou que a vítima estava morta.

Odir é procurado pela polícia que investiga o caso.


Compartilhe Nossas Notícias