Mulher mata catador a marteladas e comemora em vídeo: ‘Essa é uma vítima minha’

A jovem confessou o crime e foi presa em flagrante.
Compartilhe informação
Reprodução – Catador de latinhas foi brutalmente assassinado

JOÃO AGUIAR
DO REPÓRTER MT

Um catador de latinhas foi brutalmente assassinado com golpes de tesoura, faca e martelo, na noite dessa quinta-feira (28), em uma quitinete no Centro de Primavera do Leste (231 km de Cuiabá). A autora do crime, de 19 anos, foi presa em flagrante.

Após o crime, a mulher gravou um vídeo mostrando o corpo da vítima e se gabando de ter cometido o homicídio. “Essa daqui é uma vítima minha. Martelada e tesourada”, diz a assassina. As imagens foram enviadas para familiares da jovem.

A Polícia Militar foi acionada por volta das 23h, com a denúncia de um homicídio na região. No local, encontraram a jovem, que se apresentou e assumiu ser a autora do crime. Ela mesma levou os policiais até onde estava o corpo.

A equipe da Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) chegou ao local e deu início aos trabalhos de perícia. Foi apreendida uma faca, um martelo e uma tesoura pequena, todos utilizados no crime.

O corpo do catador de latinhas foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) para o exame de necropsia.

A autora do crime foi levada até a delegacia de Primavera do Leste, onde foi ouvida pelo delegado de plantão e autuada em flagrante por homicídio. Ela disse que tinha “vontade de matar”.

A mulher disse ainda à polícia que não tinha nenhuma relação com o catador e o atraiu até a quitinete dela. Lá, esperou ele ficar distraído para atacá-lo.

A Polícia Civil investiga o caso.

Participe de nosso grupo no WhatsApp
Entre Clicando no botão
 

 

Parceiros

     

 

 

Compartilhe informação
Veja também