Petrobras aumenta gás de cozinha em 5% para as distribuidoras

Compartilhe Nossas Notícias

DA REDAÇÃO

O 4° aumento consecutivo do gás de cozinha (GLP) foi anunciado pela Petrobras nesta quinta-feira (1°) de abril e não é mentira. O valor passará a ser de R$ 3,21 por quilo, com um aumento médio de R$ 0,15 por quilo. A mudança vale tanto para o uso em indústrias quanto para o uso doméstico.

O valor deve ser repassado ao consumidor. O aumento já passa a valer nesta sexta-feira (2), véspera de Páscoa.

À CNN Brasil, a companhia justificou os constantes aumentos em seus produtos. “Os preços praticados pela Petrobras têm como referência os preços de paridade de importação e, dessa maneira, acompanham as variações do valor do produto no mercado internacional e da taxa de câmbio, para cima e para baixo”, afirma a Petrobrás.

O Centro-Oeste é onde registram os preços mais altos do gás de cozinha, chegando até R$ 120,00 em alguns comércios – antes deste aumento. A média nacional é de R$ 83,18.

Por meio de nota, a distribuidora Ultragaz informou aos revendedores que, apesar do aumento começar a valer a partir desta sexta, a Ultragaz vai repassar a diferença somente na próxima terça-feira (6 de abril). 

Veja a nota aos revendedores: 

“Prezado Revendedor Ultragaz,
A Petrobras informou hoje, novo aumento de preço no GLP.
O aumento entrará em vigor as 00:00h do dia 02/04/2021. Entretanto a Ultragaz irá repassar o aumento somente no dia 06/04/2021, próximo terça-feira as 00:00h
Com isso o reajuste por embalagem será o seguinte:
P13 – R$ 1,996
P20 – R$ 3,070
P45 – R$ 6,908
No compromisso e transparência com a nossa rede, buscamos comunica-los o mais rápido possível, e lembramos que este aumento é repassado pelo Petrobras para todas as Companhias”.

Repórter MT


Compartilhe Nossas Notícias