Cidades - MT Destaque Agora

PM autua 11 condutores em trecho onde motociclistas faziam racha a mais de 300km/h

Foto: Reprodução

NA ESTRADA DE CHAPADA

A Polícia Militar realizou uma operação para coibir a prática de racha de veículos, na Rodovia Estadual Emanuel Pinheiro, conhecida como Estrada da Chapada, neste domingo (12). Na ação, 11 condutores foram autuados por irregularidades no trânsito. 

A ação aconteceu depois que vídeos passaram a circular nas redes sociais mostrando motociclistas fazendo racha entre Chapada dos Guimarães e Campo Verde.

Em um dos vídeos, é possível ver que duas motocicletas ultrapassando os 300 km/h, sendo que em uma delas o visor não consegue contabilizar a velocidade.

As corridas ilegais ganharam, nas redes sociais, até um narrador, durante uma ‘disputa’ entre motos Kawasaki 636, BMW M 1000 RR e Suzuki GSX 750. O vencedor, ao chegar no ponto de encontro do grupo, ainda é congratulado por ter vencido a ‘prova’.

A força-tarefa mobilizou policiais do Batalhão de Trânsito Urbano e Rodoviário (BPMTRAM), da 1ª Companhia de Policiamento Independente de Chapada dos Guimarães (1ª CIA) e da 8ª Companhia Independente de Campo Verde.  

Com barreiras e abordagens, a PM fiscalizou trechos ao longo do km 70 e km 82, locais onde ocorreram os rachas. 

Durante as abordagens os policiais autuaram 11 condutores de veículos (carro e motocicleta). Dentre as irregularidades encontradas pelos policiais estavam a dirigir sem possuir Carteira Nacional de Habilitação (CNH), licenciamento vencido, descarga livre dentre outras.  


O comandante do BPMTRAM, tenente-coronel Adão César afirma que a PM continuará reforçando as ações de policiamento na região com objetivo de coibir qualquer prática delituosa no trânsito.

“Essa ação conjunta da PM é para lembrar os condutores de veículos de que estamos firmes na fiscalização. É importante, lembrar o que trata o artigo 308 do Código Brasileiro de Trânsito (CTB), que participar de rachas é crime com pena de detenção de seis meses a três anos. Além do risco de multa e suspensão da habilitação ou proibição de obter a permissão para dirigir”, ressalta o comandante.  

A participação em rachas é crime com pena de detenção de seis meses a três anos, além da suspensão da habilitação ou proibição de obter a permissão para dirigir, segundo o Código Brasileiro de Trânsito.

OLHAR DIRETO

Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui